Mês dos independentes: o surgimento de hotéis autônomos faz com que a indústria clame por independência

Expedia-mobile-app-EDITED
O ano passado foi fundamental para hotéis independentes, de acordo com a STR, uma empresa americana que rastreia dados de oferta e demanda para vários setores do mercado, e que revelou que essas propriedades “sem marca” tiveram maior crescimento de taxa de média diária (ADR) e crescimento de receita por quarto disponível (RevPAR) do que os hotéis de marca. O grupo Expedia se aprofundou em seus dados da primeira metade de 2017 para entender o crescimento contínuo de hotéis independentes no Brasil, e oferecer dicas para aproveitarem esse momento.Para a primeira metade de 2017, os dados do grupo Expedia mostram que hotéis independentes no Brasil continuaram a se destacar no crescimento de ADR em relação à propriedades de marca, e além disso, viajantes passaram mais tempo em hotéis independentes do que em hotéis de marca nesse período – quase 15% em média.”Os mercados online têm ajudado hotéis independentes a ganhar acesso ao público viajante global, e às ferramentas de insight, que no passado eram vantagem exclusiva de marcas,” diz Rodrigo Tavares, diretor de gerenciamento de mercado do grupo Expedia para o Brasil. “Junte isso ao aumento maciço no desejo por viagens e experiências entre turistas internacionais e domésticos, e a facilidade com que eles podem descobrir e reservar hotéis, e estamos vendo uma democratização com base na visibilidade, qualidade, atributos de venda únicos, e necessidade dos viajantes”.

Tendências de hotéis independentes nos principais mercados

Os principais destinos com maior volume de buscas por hotéis independentes, com base em noites por quarto, durante a primeira metade de 2017 anos após ano foram São Paulo, Rio de Janeiro, Foz do Iguaçu, Salvador e Brasília. No entanto, os destinos brasileiros que tiveram o maior crescimento na demanda por propriedades independentes ano após ano foram:

  • Fernando de Noronha, com quase 210%
  • Praia do Forte, com quase 140%
  • Ilhéus, com quase 110%
  • Região Amazônica, com mais de 75%
  • Mato Grosso, com quase 60%

O apelo doméstico dos hotéis independentes

As propriedades independentes atraíram viajantes de todo o Brasil, uma tendência que continua crescendo no país. Os destinos de maior crescimento que tiveram aumento de viajantes domésticos na primeira metade de 2017 ano após ano foram:

  • Praia do Forte – aumento de 85%
  • Ilhéus – quase 65%
  • Brasília – quase 60%
  • Ribeirão Preto – mais de 50%
  • Mato Grosso – quase 50%

Propriedades independentes atraem consumidores ligados em dispositivos móveis

Um insight talvez inesperado: o crescimento de demanda por dispositivos móveis aumentou mais de 25%. Os mercados com crescimento de demanda móvel durante a primeira metade de 2017 foram:

  • Praia do Forte: quase 135% de crescimento para hotéis independentes
  • Ribeirão Preto: quase 100% de crescimento para hotéis independentes
  • Porto Alegre: pouco mais de 90% de crescimento para hotéis independentes
  • Brasília: quase 90% de crescimento para hotéis independentes
  • Belo Horizonte: pouco mais de 60% de crescimento para hotéis independentes

E os vencedores são…

Ao olhar para propriedades independentes, o crescimento na demanda pode ser visto tanto na primeira metade de 2016 quanto de 2017, e as vendas começaram antes do dia 1º de janeiro de 2016. Os vencedores são:

  • Sauípe Resorts, Praia do Forte – aumento de 170%
  • Go Inn Curitiba, Curitiba – aumento de quase 140%
  • Cullinan Hplus Premium, Brasília – aumento de mais de 65%
  • Serhs Natal Grand Hotel, Natal – aumento de quase 60%

“O Go Inn Curitiba é um novo hotel e só está no mercado desde novembro de 2015. Como qualquer nova propriedade, tivemos dificuldades no começo porque nossos hóspedes não sabiam muito sobre nós. Participar da ferramenta de marketing Promoção do Dia, na plataforma da Expedia, nos ajudou a gerar visibilidade. Com cada mês que passou, nosso negócio online cresceu e hoje a Expedia é um dos nossos principais parceiros, representando cerca de 50% das reservas online vindas de OTAs,” disse Jessica Pozza, supervisora de reservas do Go Inn Curitiba.


Dicas para hotéis independentes maximizarem o crescimento usando OTAs

A Expedia trabalha com hotéis independentes em todo o Brasil e em todo o mundo para ajudá-los a maximizar sua demanda e receita, e compartilha as dicas abaixo com base em seus principais aprendizados com hotéis parceiros:

1. Personalize sua propriedade

Há várias maneiras para que hotéis se destaquem da concorrência e atraiam mais atenção e reservas – e eles vão se beneficiar de contar suas histórias únicas. A Expedia oferece uma variedade de ferramentas que ajudam as propriedades a se destacarem no mercado:

  • Promoções de valor agregado permitem que os hotéis promovam e diferenciem sua propriedade destacando amenidades e ofertas únicas que melhoram a estadia dos viajantes, de Wi-Fi, estacionamento ou café da manhã gratuitos, a check-out mais tarde e outras propostas de valor.
  • Com os Pontos de Interesse, as propriedades podem customizar monumentos locais, atividades e atrações próximas, para dar incentivo e informações extras para clientes em potencial.
  • Hotéis independentes e pequenas franquias que oferecem ofertas para membros, que são descontos de hotéis disponíveis apenas para clientes registrados no programa de fidelidade da Expedia e logados nos sites ou apps da Expedia.

2. Use a tecnologia


Uma das maiores vantagens de trabalhar com a Expedia, além da demanda, é a tecnologia, as ferramentas e os insights que a companhia oferece aos seus parceiros. A plataforma Expedia® PartnerCentral (EPC) permite que as propriedades gerenciem suas taxas e disponibilidade, maximizem sua receita, enquanto automatizam tudo, desde insights competitivos a gerenciamento de receita. Como uma empresa de tecnologia, a Expedia entende o peso para que propriedades independentes se mantenham atualizadas com tecnologia, por isso a empresa ouve continuamente seus clientes, testa e aprende com novas soluções, e traz novas ferramentas à EPC que ajudam os hotéis a gerenciar seus negócios, sua reputação e sua receita.

3. Aproveite as ofertas de pacotes

Ofertas de pacotes, combinando hotel, passagens aéreas e/ou reservas de carros, têm maior ADRs, maior período de estadia e maior antecedência de reservas, e têm menos cancelamentos do que reservas independentes. As propriedades devem entender e aproveitar as ofertas de pacotes para sua área, e se certificar de usar os vários benefícios que elas trazem para os hotéis.

4. Destaque-se da multidão

A maioria dos hotéis independentes não podem ser comparados ao marketing de hotéis de marca, mas com ofertas de anúncios simples – pay-per click – pague por clique, como TravelAds, disponíveis através da Expedia Media Solutions, em que os parceiros de hospedagem têm, em média, um retorno mensurável de 11:1 sobre o investimento. É uma ótima maneira de gerar demanda durante a baixa estação, ou períodos de menor ocupação. Além disso, o Sell Tonight, ou venda desta noite, pode ajudar a descarregar o inventário de última hora para maximizar a ocupação.

*Os números são baseados em dados da Expedia