Armindo Dias foi homenageado pela Academia Brasileira de Eventos e Turismo

Fundador do Royal Palm Hotels & Resorts recebeu a Medalha do Mérito Acadêmico por sua trajetória e o sucesso à
frente de um dos mais reconhecidos resorts do Brasil

O fundador do Royal Palm Hotels & Resorts e presidente do grupo Arcel, Armindo Dias, recebeu homenagem da Academia Brasileira de Eventos e Turismo na noite da última terça (21), com a Medalha do Mérito Acadêmico como reconhecimento do seu espírito empreendedor e visão de negócios no Brasil. Depois do sucesso da Triunfo, que começou na década de 60 como Doces Campineira sob sua liderança, Dias decidiu empreender no mercado hoteleiro aos 65 anos com a aquisição de um pequeno hotel às margens da rodovia Anhanguera, que viria a se tornar um dos melhores resorts do Brasil e do mundo.

“Toda a minha vida foi de trabalho. Tive grandes realizações. Há 20 anos começamos o Royal e não paramos de expandir até agora. Deixaremos esse legado para o mercado brasileiro, sou muito grato com tamanho reconhecimento”, disse Armindo Dias, em seu discurso.

“Sentimos muita falta de exemplos positivos que incentivem não só a juventude brasileira, mas principalmente, os experientes profissionais e empresários do nosso setor. O seu exemplo nos dá esperança. Continue nos encorajando e servindo de farol para os novos empreendedores”, disse a presidente em exercício da Academia, Elza Tsumori, ao “Sr. Armindo”, como é chamado.

Atualmente, o complexo Royal Palm é administrado pelo filho de Armindo Dias, Antônio Dias, Acadêmico e diretor executivo da rede, que também foi homenageado na noite. “O maior exemplo e herança são os filhos, que dignificam seu nome”, comentou o fundador da Academia Brasileira de Eventos e Turismo e diretor da Eventos Expo Editora e do Prêmio Caio, Sergio Junqueira Arantes, referindo-se a Antônio Dias como “hoteleiro do futuro”. “Eu comecei nesse setor pelas mãos do Antônio e do Sr. Armindo. Foi com eles que eu mais aprendi”, recordou. “Uma pessoa fantástica, que tem colocado muita energia em todo esse trabalho, um exemplo para todos nós”, disse o Acadêmico e presidente do Panrotas, Guillermo Alcorta.

A história de Armindo Dias foi lembrada pelo Acadêmico Eraldo Alves Cruz durante a cerimônia: desde quando deixou Portugal, em 1956, até o anúncio do Royal Palm Hall, um completo espaço para eventos que contará com a maior Ballroom do Brasil, previsto para inaugurar em junho de 2018. Os detalhes de sua trajetória estão na biografia “Armindo Dias – uma vida de dedicação a Deus, à família e ao trabalho”, de Elias Awad, lançada pela Ed. Novo Século.

O evento, que reuniu especialistas do setor, Entidades, autoridades, representantes de Instituições de Ensino Superior e Imprensa, aconteceu na Assembleia Legislativa de São Paulo. Também comemorou os 11 anos da Academia com o lançamento da Revista Academia, que traz a história de Dias em sua primeira edição, e o anúncio dos projetos para 2018, entre eles um seminário técnico itinerante pelo Brasil, e a estreia do Academia Fórum, com a curadoria dos Acadêmicos.

Iniciativa inédita no Brasil, a Academia Brasileira de Eventos e Turismo foi inaugurada com o objetivo de trazer ações para a implementação e o crescimento da indústria de Eventos e Turismo, nacional e internacionalmente. À semelhança de outras Academias no Brasil e no mundo, seu quadro é constituído por um Colégio Acadêmico composto por 40 profissionais, representantes notórios de todos os segmentos que compõem a cadeia produtiva dos setores dos Eventos e Turismo.

Outros detalhes em: Academia Brasileira de Eventos e Tuismo